Conheça os Surpreendentes Benefícios do Melão

27set

melao-beneficios-fruta-gourmet-corte

Propriedades do Melão:

 

O melão tem muitos nutrientes incluindo cálcio, vitamina A, vitamina C e as vitaminas do complexo B. Atenção especial ao potássio, que é importante para diminuir a pressão arterial. O melão é também muito rico em bioflavonoides, que são excelentes fontes de antioxidantes e anti-inflamatórios. A fruta também tem muitos carotenoides, que diminuem os riscos de várias doenças.

Benefícios do Melão:

 

Melhora a imunidade

Retarda o envelhecimento precoce

Previne a insuficiência renal

Ajuda a eliminar cálculos renais e areias

Bom para infecções urinárias

Melhora a artrite e gota

Ajuda a hidratar o corpo

Ameniza os sintomas da TPM e menopausa

Semente do Melão:

 

Você costuma descartar as sementes do melão? Saiba que essa sementinha é riquíssima em cálcio. Também é rica em fibras, carotenoides, proteínas e lipídios. Este último regula a temperatura do corpo, protege nossos órgãos contra traumas, como quedas fortes (por exemplo), além de facilitar o transporte de nutrientes pelo corpo e também fornecer energia. A semente pode ser seca e depois triturada. O resultado pode ser consumido com a salada de frutas. Outra opção é utilizar o alimento em saladas.

Qual a melhor forma de consumir o melão?

 

A melhor forma é consumir entre as refeições, nunca como sobremesa. Como a digestão dele é muito rápida, se for consumido após a refeição, pode ser que ele fique “preso no estômago”, juntamente com outra comida que tenha a digestão mais lenta. Nessa condição, ele pode fermentar e gerar gases. Sempre coma o melão isoladamente.

Evite comer melão em excesso: no máximo duas fatias por dia já é o suficiente. Ele é digerido muito rápido e isso faz com que a glicose entre muito rápido no sangue, gerando um pico de glicemia. Esse processo também vai exigir altas quantidades de insulina para colocar essa glicose na célula. Se for consumir uma quantidade maior de melão consuma junto o óleo de coco ou castanhas. A gordura evita os picos de insulina.

Comentar

Postado em melão.

OS VÁRIOS BENEFÍCIOS DA ACEROLA PARA A SAÚDE

29jul

Benefícios-da-Acerola

Os benefícios da acerola para a saúde são tantos, que poderíamos dizer que é um nutracêutico, ou seja, um alimento terapêutico. Além do seu consumo como alimento ou em forma de sucos, a acerola é usada na medicina tradicional para facilitar a recuperação de astenia ou estados de muita fraqueza e debilidade, também é utilizada para ajudar no tratamento de diarreia e problemas de fígado.

O consumo de acerola é indicado como prevenção contra gripes e resfriado comum, e também porque contém propriedades curativas dessas doenças quando já se está com elas. É imunoestimulante: reforça as defesas do organismo contra germes e vírus, ativando anticorpos naturais no corpo. Acerola é um tônico poderoso em casos de estresse físico, fadiga, esgotamento nervoso, fraqueza, anorexia, caquexia, etc. Você também pode tomar nos casos em que os transtornos de ansiedade ou depressão são percebidas. Acerola é desintoxicante. O poder desintoxicante da acerola é muito forte, pois consegue limpar o corpo e é uma fruta muito aconselhável para pessoas que estão deixando qualquer vício, como fumar ou beber, porque as suas propriedades não estão limitados a vitamina C. A acerola tem uma quantidade muito elevada de fósforo, cálcio e vitaminas do complexo B, além de antioxidantes, tais como os flavonóides e antocianinas, que dão a acerola a capacidade de impedir a destruição de membranas celulares.  A acerola ajuda na formação de colágeno, nos ossos, cartilagens, dentes, pele, vasos sanguíneos e todos os tecidos conjuntivos, ou conectivos. Acerola é um remineralizante para múltiplas indicações: crescimento, gravidez , alimentação, reparação de fraturas, desmineralização. A acerola tem propriedades hidratantes. Ela nos ajuda a manter a nossa pele e cabelos hidratados.

A acerola tem propriedades diuréticas. Acerola ativa o fígado por seu conteúdo pectina e sua acidez. A pectina é um polissacarídeo de origem vegetal, que é encontrado no suco de acerola madura. A acerola tem propriedades anti-inflamatórias. Isto é devido ao antocianinas que são encontrados na mesma. Esta qualidade ajuda a curar enxaqueca ou dores de cabeça , da mesma forma que funciona a aspirina ou o ibuprofeno.

Benefícios da acerola – A acerola também contribui para uma melhor coagulação do sangue e acelera a cicatrização de feridas.
Outro efeito anti-inflamatório sobre a pele é, no caso de herpes. A acerola ajuda a reduzir os efeitos e sintomas da herpes, como dor, vermelhidão e inchaço da pele. Ela também ajuda a reduzir o muco, o que é uma causa da proliferação do vírus da herpes.

A acerola tem propriedades tonificantes e estimulantes

Terapia com acerola

A acerola e alergias

Também estimula na eliminação de certas reações alérgicas. Tem sido observado que os indivíduos com uma elevada ingestão de vitamina C tendem a ter menores reações alérgicas. Bem como ajuda no combate a doenças respiratórias como a asma, o que em muitos casos é uma reação alérgica.

A acerola contra vírus e bactérias. É um imuno-estimulante que aumenta as defesas do organismo contra vírus e germes, ativando a síntese de anticorpos.
Muitos cientistas acreditam que os radicais livres e as falhas graduais do sistema imunológico são os dois fenômenos que assumem maior responsabilidade no processo de envelhecimento humano, ou que causa o maior dano de oxidação. A acerola tem propriedades antioxidantes muito alta. A ingestão diária de vitamina C ajuda a prevenir doenças degenerativas tais como a doença de Parkinson, o que é vital para o funcionamento mental e manutenção adequada de cada indivíduo.

A acerola e o estresse

Benefícios da acerola – A acerola é um tônico poderoso e útil em casos de grande cansaço físico e esgotamento nervoso, fraqueza, anorexia, caquexia. A acerola também alivia o stress e você pode tomar quando sentir fadiga, depressão ou ansiedade. A acerola ajuda a produzir hormônios anti-stress como a melatonina, que ajuda a regular os ciclos de sono.
A vitamina C que tem a acerola, também (como mencionado acima) é essencial para a formação e manutenção de uma proteína chamada colágeno. Esta é a proteína básica da pele e para todos os tecidos conjuntivos. Você precisa de certos níveis de colágeno para um bom funcionamento de um fígado saudável e manutenção da glândula que secreta adrenalina, especialmente em períodos de grande stress.

Comentar

Postado em acerola.

Os benefícios da Manga

08jul

bg-mango-01

Também chamada de “pêssego dos trópicos” pelos europeus, a manga é uma fruta bem conhecida desde tempos antigos pelos indígenas e atualmente é produzida em todo o mundo.

A manga ajuda nos cuidados com cabelo e pele, ao mesmo tempo em que nutre e purifica o organismo com suas propriedades antioxidantes e diuréticas.

Antioxidante e laxante

Graças ao seu alto teor de em vitaminas A e C e a seus ácidos palmítico e málico, a manga é uma fruta muito antioxidante que ajuda na proteção contra doenças cardíacas, alergias e câncer. Um pedaço de 100 g de manga contém 36,4 g de vitamina C, o que corresponde a 61% das necessidades diárias dessa vitamina.

A fibra da manga junto à frutose que contém facilitam o trânsito intestinal e atuam como laxante natural, prevenindo a prisão do ventre de uma maneira fácil e eficaz.

 Perda de peso

A manga contém 83% de água, e apesar de seu sabor doce nos oferece poucas calorias e açúcares facilmente assimiláveis. Por isso a manga é uma fruta recomendável em dietas de emagrecimento, para consumir tanto no café da manhã quanto em lanches, pois proporciona a sensação de saciamento além de grande quantidade de água e evita a ingestão de calorias e gorduras desnecessárias.

Agora que você já conhece os benefícios, que tal experimentar um delicioso suco?

Comentar

Postado em frutas, manga.

Dicas para uma alimentação saudável no carnaval:

04fev

dica carnaval 01 dica carnaval 02 dica carnaval 04 dica carnaval 05

Comentar

Postado em saúde.

Atividades físicas para uma gravidez mais saudável

03fev

Para manter a saúde física e mental em dia, médicos aconselham a prática de atividade física regularmente. O cuidado deve ser redobrado assim que a mulher descobre que está grávida, mas ela não deve deixar de se exercitar durante os nove meses de gestação. Pelo contrário: ficar parada está fora de cogitação para uma gravidez mais saudável e tranquila. Segundo o obstetra Julio Elito Jr., professor do departamento de obstetrícia da Unifesp, exercícios físicos só são contraindicados para gestantes que sofrem riscos de ter parto prematuro. “Se for uma gravidez normal, ela pode e deve fazer exercício, pois faz bem para a saúde”, diz ele. Segundo o obstetra, entretanto, exercícios de impacto como tênis ou equitação, por exemplo, devem ser evitados por todas as gestantes.

“Quem faz atividade física conhece todos os benefícios e vai procurar manter isso na gravidez. Claro que, nesse período, a mulher precisa de uma adaptação”, diz o ortopedista Ricardo Cury, membro da Sociedade Brasileira de Traumatologia Esportiva. Primeiro, a gestante deve passar por uma avaliação médica com um obstetra para saber se está apta a começar algum tipo de atividade. “Dependendo da avaliação, o treino pode ser adaptado de acordo com as restrições de cada uma”, diz Valéria Castro, professora do programa “Futura Mamãe”, da academia Competition.

De acordo com o educador físico Fabiano Bispo, se a gestante estiver bem, pode se exercitar de três a seis vezes por semana, de 30 até 60 minutos. Ao apresentar qualquer mal-estar, é preciso parar imediatamente os exercícios e o médico deverá ser consultado. Com a evolução da gravidez, a intensidade deve ser reduzida de forma gradual, variando e adequando posições. “O profissional que está acompanhando a gestante acaba trocando os exercícios com o passar do tempo, já que a barriga vai crescer”, afirma. Para que haja uma gravidez saudável e, acima de tudo, segura, é aconselhável que as atividades sejam feitas moderadamente e sob orientação de um educador físico, inclusive para as mulheres que já praticavam algo. “É fundamental a gestante não querer ganhar condicionamento físico durante a gestação”, diz Raul Santo de Oliveira, médico fisiologista da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo). Portanto, se a mulher não está habituada, não é hora de tentar recuperar o tempo perdido se esforçando demais.

Segundo o ortopedista Ricardo Cury, quanto antes a grávida começar os exercícios, mais benefícios terá para o bebê. De acordo com os especialistas, os pontos positivos da movimentação durante esse período são variados: melhora do sistema cardiorrespiratório, da autoconfiança da gestante, controle do peso, equilíbrio e flexibilidade.  “O exercício melhora a condição física, faz que a gestante não ganhe peso excessivo e tenha menos dores musculares, além de auxiliá-la a suportar com mais facilidade o trabalho de parto”, diz o obstetra Julio Elito Jr.

Comentar

Postado em atividade física, saúde.

Benefícios do Suco de Goiaba

14jan

 

O Suco de goiaba é uma boa alternativa de suco saudável. Pois, a goiaba é uma excelente fonte de potássio, fósforo, vitamina C, ferro e cálcio, além de possuir uma baixa quantidade de gordura e açúcar.

A goiaba é facilmente encontrada no Brasil, é eficaz para o aumento da imunidade, tem propriedades antitumorais, protege do câncer, mantém a pressão arterial controlada, aumenta a produção de sangue, previne o envelhecimento, controla o nível de açúcar no sangue, faz bem para a pele, olhos e ainda melhora a digestão.

Comentar

Postado em goiaba.

Página 1 de 2712345...1020...Última »